22 dezembro, 2011

Saudades D.

Nem sempre as amizades duram o tempo suficiente para serem inesquecíveis .. nem sempre somos suficientemente capazes de nos cruzarmos com as pessoas e fingir que nunca as vimos ..
Custa sempre e magoa imenso ver-te da maneira que hoje te vi e saber que por fora és a mesma pessoa, mas a nível psicologico mudas-te imenso mesmo, mudas-te tanto que não sabes considerar as verdadeiras amizades dos amigos incorrectos com quem andas! É estranho dizer-te isto quando falávamos horas ao telemóvel e dissiamos que nada nos iria separar, mas apesar de te teres separado de mim, houve algo que me chocou ainda mais, tu separas-te-te do nosso grupo todo, esse grupo que ainda hoje 'me pertence' e que tu não estás nele por estupidez tua, mania da superioridade...
Não é correcto seres assim, porque nunca o foste e porque não foi assim os que os teus pais te educaram ( até saudades deles consigo ter, de me taparem no sofá quando eu adormecia a meio das nossas conversas tardias!! ), sempre deste valor as amizades, a minha, a da Diana, da Xaterrine ..e hoje? Tens aqueles amiguinhos de caca que sempre te levaram para caminhos que só a escumalha se deixa cair ..
Aserio que tenho imensas saudades tuas e que o sentimento que eu tinha por ti a quatro anos permanece, adoro-te imenso e isso jamias mudará D.

1 comentário:

SofiaM ' disse...

As pessoas mudam, afastam-se e há promessas que nem sempre se cumprem princesa e essa amizade talvez um dia seja recuperada.
Quanto a nós, mesmo longe sabes que estou sempre aqui e que se precisares basta ligares mana, tenho imensas saudades tuas !